A Bíblia em Esboco
O Segundo Livro de Samuel


Análise nº
10

Mensagem: "Estai certos que o vosso pecado vos descobrirá."

Verso chave: 5:12

Frase chave: "Perante o Senhor"

INTRODUÇÃO GERAL

TEMA PRINCIPAL: O reinado de Davi.

PRIMEIRO PERÍODO: Os primeiros anos do reinado. Durante este período, o rei, embora tomasse parte em campanhas militares, comuns na época, manifestou uma disposição espiritual.

  • (1) EVENTOS PRELIMINARES.
    • (a) Execução do amalequita que matou ao rei Saul, 1:2-16.
    • (b) O lamento de Davi por Saul e Jônatas , 1:17-27.
  • (2) DAVI É UNGIDO REI de Judá, 2:4.
  • (3) A BATALHA entre os seguidores de Davi e os servos de Is-Bosete, 2:8-32.
  • (4) FATOS QUE INDICAM A DEVOÇÃO DO REI.
    • (a) Sua busca da direção divina, 2:1.
    • (b) O castigo aos que buscaram ganhar seu favor assassinando a seu rival, 4:5-12.
    • (c) Seu discernimento, depois de haver sido exaltado como rei de Israel, ao reconhecer que sua elevação havia vindo de Deus. 5:1-12.
    • (d) Sua humildade ao atribuir se êxito militar ao poder divino 5:20.
    • (e) Seu entusiasmo pela volta da arca da aliança a Jerusalém
    • (f) Seu desejo de erigir um templo ao Senhor e a dedicação de grande riqueza para sua construção caps. 7-8.
    • (g) Sua amabilidade para com o filho de Jônatas , cap. 9.

PERÍODO MÉDIO:

  • (1) O grande êxito militar do rei, cap. 10.
  • (2) Sua queda e castigo.
    • (a) Sua tentação, 11:1-2.
    • (b) Destruiu um lar e assassinou a Urias, cap. 11.
    • (c) Os juízas divinos o alcançam. A denúncia do profeta Natã, 12:1-14. A morte da criança, 12:15-19. O crime de seu filho Amnom, 13:1-20. A rebelião de seu filho Absalão, caps. 15-18.
PERÍODO FINAL: PORÇÕES SELETAS:
    Generosidade de Davi para com Mefibosete, cap. 9.
    A parábola de Natã, 12:1-6.
    O salmo de ação de graças de Davi, cap. 22.


O AUTOR

Concernente à autoria deste livro, I Crônicas 29:29 tem algo a dizer: - "crônicas de Gade, o vidente". O segundo livro de Samuel foi, sem dúvida, escrito por Natã e Gade, dois contemporâneos de Davi.

O DESÍGNIO

O livro se ocupa, quase que inteiramente com a história de Davi como Rei. Começa com a sua ascensão ao trono e narra os acontecimentos durante seu reinado de 40 anos. Portanto, este livro é a história do reinado davídico.

PRIMEIRA MENSAGEM

  • A primeira vez que, em Israel, um rei é comparado a um pastor, 5:2 - "apascentarás o meu povo de Israel" é, literalmente, "pastoreia meu povo de Israel".
  • Foi Davi quem primeiro descreveu um rei como "o ungido do Senhor", título que dá uma concepção elevada e digna da soberania. - Compare: I Samuel 24:6 com II Samuel 1:14, 16 e 21; 2:4,7; 3:39; 5:3,17; 19:10; 22:51.
  • Contém, também, op episódio de 7:1-17, onde se aprende que todos os nossos planos devem ser apresentados a Deus para receber, ou não, Sua aprovação. É uma lição que se não ensina, tão claramente, em nenhuma outra parte da Bíblia. Quantas vezes, em situação análoga, cometemos o mesmo erro de Natã, 7:3.
  • O livro registra duas parábolas notáveis: a do egoísta, capítulo 12, e a desterrado, capítulo 14:1-20.
  • É, neste livro, 23:1-2, que Davi revela a inspiração divina dos seus salmos e afirma que até as suas palavras procederam de Deus.

SEGUNDA MENSAGEM

  • A primeira mensagem mostra a necessidade de paciência e dependência de Deus para que se cumpram as suas promessas 2:1 - 5:1-3. A paciência é uma virtude para a qual nos é dada graça especial.
  • A segunda - primeira no seu valor - é a que aponta o pecado. "Estai certos que o vosso pecado vos descobrirá", se exemplifica em diversas pessoas referidas aqui, (1:14-16, 2:8,9. Abner procedeu assim apesar de conhecer os propósitos de Deus, 3:9,13 - 3:27 - 4:11,12), e com mais evidência no caso de Davi e seu filho Absalão. Temos os detalhes horrendos dum pecado vil, 11:4 e 13:1-15. Como veio rápido o castigo de Deus! Mas, graças a Deus, este livro mostra, também, como Deus está sempre pronto a perdoar, 12:13. Não deixemos de notar que, as vezes, o pecado perdoado é punido, 12:14. Toda a história subseqüente de Davi é um relato de castigo pelo seu pecado e por causa do seu pecado. Isto, Davi o reconhece, capítulo 16:10. Não era grande sua alegria depois de ter pecado. Toda a queda deixa vestígios para tristeza do crente.

ANÁLISE

Embora, originalmente, os dois livros de Samuel eram um, ambos apresentam características próprias. Temos notado que o espírito de oração prevalece no primeiro livro de Samuel, embora esse espírito perdure neste livro. ("consultou o Senhor", 2:1 - 5:19 e 23 - 21:1). Entretanto, a frese chave é "Perante o Senhor", o que, às vezes, significa: "perante a Arca do Senhor". Verso 5:3, ainda que a Arca estivesse em Gibeá, 6:3. Em 12:16 vemos que se prostrava perante o Senhor mesmo em sua casa. Era o reconhecimento da presença constante de Deus. Notai as atitudes diferentes da alma, reveladas no estudo desta frase, na análise que segue.

A) OS TRIUNFOS DE DAVI

Caps. 1-10

(1) Davi ungido rei sobre Judá 

(a)

Davi  INQUIRE  do Senhor

Chave: 2:1

Caps. 1, 2, 3 e 4

(2) Davi ungido rei sobre todo o Israel 

(b)

Davi  FAZ UMA ALIANÇA  perante o Senhor

Chave 5:3

Cap. 5

  • Ungido rei sobre todo o Israel, 5:1-5
  • Jerusalém é elevada à capital, 5:6-16
  • As vitórias, 5:17-25
(3) DAVI CONSOLIDANDO O REINO 

(c)

Davi  DANÇA  perante o Senhor

Chave 6:16 e 21

Cap. 6

  • Davi imitou os filisteus, 6:4
  • Deus não tolera no seu povo o que Ele tolera no incrédulo, 6:7

(d)

Davi  SENTA-SE  perante o Senhor

Chave 7:18

Cap. 7

  • O desejo que Davi possuía para construir a casa de Deus, 7:1-3
  • Impedido, 7:4-13
  • Deus promete construir a "Casa de Davi", 7:11

(e)

Davi  PRESERVADO  perante o Senhor

Chave 8:6 e 14

Caps. 8, 9 e 10

  • As vitórias, 8
  • Mefibosete, 9
  • Grandes vitórias, 10

B) AS AFLIÇÕES DE DAVI

Caps. 11-24

(4) A queda de Davi 

(f)

Davi  PROSTRA-SE  em penitência, perante o Senhor

Chave: 12:16

Caps. 11 - 20

(5) Apêndice

(g)

Davi  FALA  ao Senhor

Chave: 22:1 e 24:17

Caps. 21, 22, 23 e 24

  • Inquirindo do Senhor, 21
  • Ação de Graças, 22
  • As últimas palavras, 23
  • O pecado de numerar Israel, 24

 
Envie esta página à um(a) amigo(a)